Embratel lança solução de IA para controle de plantas daninhas

Smart Fied by Cromai é capaz de detectar a localização exata de plantas daninhas e classificá-las de acordo com o potencial de risco gerado às lavouras
Embratel lança solução de IA para mapear plantas daninhas no campo
Aplicação de IA identifica com precisão a incidência de plantas daninhas, assegura Embratel (crédito: Freepik)

Braço de serviços B2B da Claro, a Embratel anunciou, nesta segunda-feira, 29, uma solução de Inteligência Artificial (IA) para localizar e classificar, de forma precisa, plantas daninhas que podem pôr em risco plantações de soja e cana-de-açúcar.

A Smart Field by Cromai, como a aplicação é chamada, realiza o processamento das imagens coletadas em voos de drones, por meio de um sistema de aprendizado com mais de 150 milhões de referências para comparação de cores, formas e texturas.

A ferramenta se apoia em Deep Learning para processar as tarefas. Segundo a Embratel, a tecnologia é capaz de identificar e categorizas diferentes tipos de plantas daninhas – trepadeiras, folhas largas, mamonas, gramíneas de baixo e alto porte – que prejudicam o potencial produtivo das lavouras.

A análise é disponibilizada em uma plataforma no formato de mapa georreferenciado interativo com os pontos exatos de onde está cada planta daninha. Com isso, os produtores podem tomar decisões baseadas em dados para a aplicação dos defensivos agrícolas apenas nos locais devidos.

A Embratel informou que o produto acompanha uma equipe de suporte técnico para realizar a integração e a configuração da aplicação com os drones. Entre os recursos, a solução ainda permite que os agricultores usem os dados extraídos como mapas de pulverização, que podem ser inseridos em qualquer marca e modelo de drones e pulverizadores disponíveis no mercado.

“Além de cana-de-açúcar e soja, a previsão é expandir o uso da solução para outras culturas em breve”, indica Adriano Rosa, diretor-executivo da Embratel, em nota.

A solução é fornecida em parceria com a Cromai, startup focada em IA para o agronegócio. A Embratel tem investido em parcerias para ofertar aplicações para o agro. No ano passado, por exemplo, apresentou uma plataforma que inclui serviços de imagens via satélite, telemetria, estações meteorológicas, entre outros recursos, em um acordo com a Farmers Edge.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10589