Telefonia fixa tem 200 mil menos acessos em outubro

Foram 29,2 milhões de acessos contra 29,4 milhões do mês anterior. Os dados integram relatório da Anatel
Telefonia fixa tem 200 mil acessos a menos em outubro - foto: divulgação
Crédito: Divulgação

No mês de outubro de 2021, a Anatel registrou 200 mil acessos por telefonia fixa a menos do que em setembro do mesmo ano. Foram 29,2 milhões de acessos contra 29,4 milhões do mês anterior. Os dados integram relatório disponível no portal do órgão regulador.

O levantamento é mensal e feito a partir de dados apresentados fornecidos pelas prestadoras do serviço. A Anatel avisa que não estão incluídos os acessos referentes aos telefones de uso público (orelhões).

O estudo observa também a densidade (número de acessos dividido por 100 domicílios), que em outubro foi de 41,4. Em setembro, a densidade foi de 41,7.

Por tipo de outorga, os acessos foram feitos 50,1% em concessionárias e 49,9% em prestadoras autorizadas. Em setembro, a relação era, respectivamente, 50,3% e 49,7%. Ou seja, concessionárias tiveram cerca de 58 mil acessos a menos em outubro.

Ranking das operadoras

No market share da telefonia fixa, Oi e Claro quase empatam. A primeira reduziu sua participação de 30,3% para 30,2%. A outra manteve em 29,9%. Isso significa que a Oi teve cerca de 30 mil acessos a menos que no mês anterior.

A Vivo, na terceira posição, mostrou crescimento de participação de 26,3% para 26,4%, ou aproximadamente 30 mil acessos a mais.

Entre as empresas com pequena participação, a Algar Telecom passou de 4,5% para 4,4%, e a Tim, de 2,8% para 2,7%.

Em relação ao meio de acesso, o cenário é o mesmo dos últimos cinco meses. Cabo metálico, fibra, cabo coaxial e rádio estão à frente, nesta ordem, com pequenas variações no gráfico evolutivo de um mês para o outro.

A diferença mais sensível é percebida em um espaço de tempo maior. O acesso por cabo metálico caiu de 15 milhões, no início de 2021, para 13,2 milhões, em outubro.

O nordeste foi a única região que teve aumento de acessos por telefonia fixa, de 2.302.601, em setembro, para 2.318.099. A maior queda, de 1,3%, foi no sul: de 5.234.546 para 5.169.036 acessos.

Em novembro de 2021, levantamento mostrou que a maioria das empresas do segmento perdeu clientes.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10510