Cofundador da Netflix, Reed Hastings anuncia saída do posto de CEO

Hasting ocupará o cargo de presidente executivo, atuando mais próximo ao conselho; comanda da empresa ficará dividido entre Ted Sarandos e Greg Peters
Reed Hastings anunciou que deixará o cargo de CEO da Netflix
Além de ocupar o cargo de presidente executivo da Netflix, Reed Hastings quer se dedicar mais à filantropia (Divulgação/Netflix)

Reed Hastings, cofundador e CEO da Netflix há 25 anos, anunciou, nesta quinta-feira, 19, que deixará o comando da empresa de vídeo por streaming. A partir de agora, ele ocupará o cargo de presidente executivo, atuando de forma mais próxima ao conselho da companhia.

Em post assinado, Hasting informou que Greg Peters, então diretor operacional (COO), será coCEO da empresa, ao lado de Ted Sarandos, que ocupa o cargo desde julho de 2020.

“Ted, Greg e eu trabalhamos juntos em diferentes cargos por 15 anos. Como é comum em relacionamentos longos e eficazes, todos nós aprendemos a extrair o melhor um do outro. Estou ansioso para trabalhar com eles nesta função por muitos anos”, afirmou Hasting.

“Seguindo em frente, atuarei como presidente executivo, um papel que os fundadores costumam assumir (Jeff Bezo, Bill Gates etc.) depois de passar o bastão de CEO para outras pessoas”, indicou o executivo.

O ex-CEO indicou que, dentro da empresa, planeja ser uma ponte entre o conselho e os comandantes. Além disso, vai se dedicar mais à filantropia e continuar focado no desempenho da Netflix no mercado acionário.

Hastings fundou a Netflix com Marc Randolph em 1997. À época, a empresa atuava no ramo de locação de DVDs via correios. O direcionamento do negócio para se tornar uma plataforma de streaming ocorreu em 2007. O serviço chegou ao Brasil quatro anos depois e, atualmente, é o streaming de maior sucesso no País.

A empresa também informou que Bela Bajaria se tornou diretora de conteúdo e Scott Stuber foi nomeado diretor da Netflix Film, unidade de filmes da plataforma.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10690