Brisanet pisa no freio e projeta investimento menor em 2023

Brisanet indica desaceleração na construção da rede de fibra, reestruturação na Agility Telecom, unidade dedicada a franquias e início da operação com 5G em 2,3 GHz

Dupla de técnicos - Sede Brisanet

A operadora nordestina Brisanet informou hoje, 16, que vai fazer investimento de R$ 700 milhões em 2023. Em 2021 a empresa investiu R$ 1,34 bilhão, e até o terceiro trimestre de 2022, R$ 1,36 bilhão.

“A Companhia vem desacelerando os investimentos em FTTH, visando a manutenção de estrutura de capital adequada durante período mais desafiador da economia e de mercado somado ao início dos investimentos na implantação do 5G”, informa.

Metade do dinheiro previsto para 2023 será destinado à expansão da rede de banda larga em fibra óptica (FTTH), e metade à ativação de sua rede móvel 5G, incluindo nesta conta o backbone.

“A Brisanet está com situação financeira e estrutura de capital confortáveis mesmo num cenário nacional de juros altos e menor crescimento da economia”, diz a empresa, que tinha endividamento de R$ 710,5 milhões em setembro de 2022, equivalente a 2x o EBITDA (lucro antes de depreciações, amortizações, juros e impostos).

A previsão é que o investimento em 2023 resulte na construção pela Brisanet de 1 milhão de HPs (casas com fibra óptica)

Dados operacionais

No mesmo documento, a operadora traz os dados de construção de última milha e de atração de clientes em banda larga no mês de dezembro.

O relatório aponta que o grupo construiu 45,6 mil casas passadas com fibras (residências que podem se tornar clientes em fibra) no mês. O dado mostra redução do ritmo de implantação de rede. A empresa diz que vem desacelerando os investimentos em FTTH “visando a manutenção de estrutura de capital adequada durante período mais desafiador da economia e de mercado somado ao início dos investimentos na implantação do 5G”.

Brisanet é a única operadora na frequência de 2,3GHz no Nordeste, já liberada em toda a região. A faixa de 3,5 GHz, que também possui, pode ser ativada nas capitais e em algumas outras cidades.

Ao final de dezembro de 2022, a Brisanet atendia a 1.100.075 clientes em todos os 9 estados da região Nordeste – Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Piauí, Sergipe, Maranhão e Bahia – passando em frente de 6,1 milhões de domicílios em 154 cidades.

A empresa adicionou à base de clientes 20,5 mil contratos. “A expectativa para 2023 é de manter o crescimento nesse ritmo mensal”, informa o relatório.

Agility em transformação

Pela Agility Telecom, seu braço de franquias, o grupo tem 216 mil clientes e 995 mil casas passadas. Ao todo, o grupo fechou 2022 com 1,3 milhão de clientes. A unidade também pisou no freio.

No primeiro trimestre do ano, a Agility tinha 98 franqueados. Passou para 95 no segundo, 93 no terceiro, e fechou 2022 com 90. Sem, contudo, perder clientes.

“A Agility Telecom também está passando por mudanças, com ajustes em alguns parceiros e no seu crescimento, à espera do início da operação do 5G pela Companhia e do alinhamento de novos investimentos à capacidade financeira dos franqueados”, acrescenta.

Avatar photo

Rafael Bucco

Artigos: 4089