Autorregulação não é anarquia

Monique Barros – Diretora de Regulatório Claro

A autorregulação pressupõe maior liberdade para as empresas inovarem e adotarem diferencial competitivo entre si. Faz parte de um processo natural, e é fundamental o papel da agência reguladora e dos órgãos de defesa do consumidor para assegurar que todos os cuidados serão tomados com a prestação do serviço, afirma Monique Barros, da Claro.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10576