Vodafone e Altice criam joint venture de fibra na Alemanha

FibreCo pretende investir 7 bilhões de euros em um período de seis anos. Criação da nova empresa deve ser aprovada por órgãos reguladores no 1º semestre de 2023
Fibra óptica da Vodafone e da Altice
Vodafone e Altice criam empresa para implementar fibra óptica na Alemanha (crédito: Freepik)

A Vodafone e a Altice anunciaram, nesta segunda-feira, 17, a criação de uma joint venture para levar fibra óptica a até 7 milhões de casas na Alemanha. A instalação deve ser feita em um período de seis anos.

Com o capital dividido igualmente entre as duas companhias (50% para cada), a FibreCo, como a nova empresa é chamada, pretende investir até 7 bilhões de euros, dos quais 70% serão financiados por meio da emissão de dívida.

O negócio ainda precisa passar por aprovação regulatória. A expectativa é de que o processo seja concluído no primeiro semestre de 2023.

A FibreCo, por parte da Vodafone, deve se beneficiar da experiência comercial e das relações com associações habitacionais, ao passo que, por parte da Altice, deve ter as vantagens operacionais e de implementação da malha de fibra óptica.

Também foi anunciado que o novo negócio já contratou a Geodesia, uma subsidiária da Altice, para construir e fazer a manutenção da maior parte da rede a ser instalada.

Na Alemanha, a Vodafone atua no segmento de banda larga, oferecendo conexões de até 1 Gbps para mais de 24 milhões de consumidores. Em comunicado, a operadora inglesa indicou que 80% da malha de fibra óptica da FibreCo devem ser destinados a locais em que há cabos de rede de fibra híbrida. Os 20% restantes serão implementados fora da atual área de cobertura da Vodafone.

Além disso, a Vodafone Alemanha deve comercializar a rede da FibreCo mediante um regime de exclusividade. A rede da tele inglesa atualmente em operação em território alemão continuará a servir os clientes que não desejarem migrar para a conexão de fibra óptica.

Por fim, também foi divulgado que, como parte do acordo, a Vodafone deve receber até 1,2 bilhão de euros da Altice. A previsão é de que a soma seja transferida conforme a conclusão das etapas de instalação da rede de fibra óptica da FibreCo.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10493