Unifique compra mais um provedor de Santa Catarina

Unifque adquiriu a Concórdia ClienteCO, carteira de clientes em banda larga do grupo Superline Telecomunicações. Contrato abre opção de compra da rede de fibra no futuro.

Crédito: Freepik

A operadora Unifique, focada no Sul do País, comprou o provedor de banda larga por fibra Concórdia ClienteCO Telecomunicações, que opera em Santa Catarina. O contrato foi firmado nesta quarta-feira, 10, mas a data de fechamento do negócio será 31 de maio.

A Concórdia ClientCO é a empresa detentora da carteira de clientes da Superline Telecomunicações, que atua desde 2001 no mercado de provimento de internet. A Concórdia atende clientes residenciais e corporativos nas cidades de Concórdia, Seara, Itá e Xavantina, todas no Oeste catarinense. Possui aproximadamente 21.500 mil assinantes.

A aquisição representa 4,8% da base de clientes atuais da Unifique em Santa Catarina e faz parte de sua estratégia de crescimento no estado.

A Concórdia utiliza a infraestrutura de outra empresa do mesmo grupo econômico para transporte de dados. A Unifique fará a locação desta rede, com opção de compra, enquanto planeja a migração dos clientes para sua rede própria ou integração das redes.

O preço da aquisição é de R$ 26 seis milhões, cerca de R$ 1,21 mil por cliente. A Unifique vai pagar 50% na data de fechamento (31 de maio) e os 50% restantes em 36 parcelas mensais iguais e consecutivas corrigidas pelo IPCA acrescidos de 2% ao ano (IPCA+2%).

O preço final, no entanto, pode mudar, avisa a Unifique. Está sujeito a ajustes decorrentes da transferência dos 21.500 acessos, dos ativos envolvidos na transação, e das obrigações de indenização assumidas. O contrato celebrado contém cláusula de Obrigação de Não Concorrência das partes vendedoras pelo período de 5 anos.

Expansão em Santa Catarina

Esta não foi a primeira compra da Unifique em Santa Catarina este ano. A companhia já tinha comunicado a aquisição do provedor Brick Serviços Digitais em abril, contraindo 7 mil novos clientes.

As transações são uma retomada da estratégica de crescimento por via inorgânica, depois de uma pausa em 2022 para ocupar a rede própria. Ainda em março os executivos da Unifique avisaram que em 2023 iriam arrematar mais provedores regionais.

Avatar photo

Rafael Bucco

Artigos: 4156