Indústria eletroeletrônica abre mais de 1.200 vagas em julho

Esse é o sétimo crescimento consecutivo de postos de emprego no setor, que agora acumula 263,8 mil funcionários empregados no setor contra 248,1 mil dezembro de 2020

indústria eletroeletrônica

A indústria eletroeletrônica abriu 1.246 postos de trabalho no mês de julho de 2021 em relação a junho. Os dados pertencem a Abinee e se baseiam em informações do Novo Caged.

Esse foi o sétimo crescimento consecutivo, acumulando elevação de 15,7 mil vagas de trabalho ao comparar com dezembro do ano anterior. No total, são 263,8 mil funcionários empregados no setor ante 248,1 mil em dezembro. Com exceção do último mês de 2020, o nível de emprego da indústria eletroeletrônica vem aumentando desde junho do ano passado. Julho também foi o mês que teve menos desligamentos no setor no período de um ano, com 4.998 de desligamentos.

“O desempenho do nosso nível de emprego tem sido o mais sólido entre os indicadores do setor, demonstrando claramente o processo de recuperação do setor”, diz o presidente da Abinee, Humberto Barbato. Em sua análise, a tendência de crescimento deve permanecer nos próximos meses. Isso devido às perspectivas positivas do setor e índice de confiança em patamar positivo.

Entretanto, segundo Barbato, há sinais de alerta para a manutenção do desempenho. Entre eles gargalos logísticos, escassez de componentes, andamento das reformas e possibilidade de crise energética. (Com assessoria de imprensa)

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10493