Huawei e Claro lançam em Goiás o sinal de 5G no campo

Iniciativa piloto tem licença para funcionar por um ano em 3,5 GHz

O Governo do Estado de Goiás lançou hoje, 3, no interior do estado, a iniciativa de internet móvel 5G para o agronegócio, em caráter experimental, com o uso de equipamentos da gigante chinesa Huawei, e a Claro. A operadora obteve uma licença de demonstração em 3,5 GHz, com validade de um ano, para a iniciativa.

A rede será testada por pesquisadores das instituições de ensino IF Goiano e Centro de Excelência em Inteligência Artificial (Ceia), da Universidade Federal de Goiás (UFG). O lançamento aconteceu hoje no Centro de Excelência em Agricultura Exponencial (Ceagre), localizado no Parque Tecnológico do IF Goiano, no município de Rio Verde.

Segundo o governo estadual, a tecnologia será usada para soluções de internet das coisas (Internet of Things – IoT), com a expectativa de reduzir custos operacionais e abrir mercado para as agritechs. Na ocasião, houve a demonstração de aplicações reais de uso de IoT para o agronegócio através da tecnologia 5G, desenvolvidas por meio de pesquisas com inteligência artificial.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10673