Banco Inter vai pagar R$ 1,5 mi por vazamento de dados de clientes

Recursos serão usados para equipar entidades públicas que combatem crimes cibernéticos e para instituições de caridade

O Banco Inter vai pagar R$ 1,5 milhão como forma de reparar os danos morais coletivos de caráter nacional, em decorrência do vazamento de dados de mais de 19 mil correntistas. Esse é o principal ponto do acordo celebrado entre o banco digital e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), homologado pela justiça.

Desse valor, R$ 1 milhão serão destinados, a título de doação, até 31 de julho de 2019, a instituições públicas que combatem crimes cibernéticos na forma de equipamentos e softwares, cujas especificações serão indicadas pelo MPDFT. Os R$ 500 mil restantes serão destinados a instituições de caridade, mediante o depósito até o dia 30 de janeiro de 2019.

O incidente de segurança ocorreu em maio deste ano e é objeto de ação civil publica ajuizada pelo MPDFT. O processo corre em sigilo.(Com assessoria de imprensa)

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10578