Anatel lança painel de dados de frequências de redes privativas

Painel interativo traz informações das autorizações para uso das radiofrequências expedidas pela agência, como nomes das entidades autorizadas, as faixas de frequências de operação, a largura de banda e os municípios
Anatel lança painel de dados sobre frequências de redes privativas
Painel de dados traz informações sobre a implementação de redes privativas no País (crédito: Anatel/Divulgação)

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) disponibilizou em seu site um painel de dados com informações sobre a utilização de radiofrequências para a implementação de redes privativas no País. A iniciativa é da Superintendência de Outorga e Recursos à Prestação (SOR) do órgão regulador.

Em linhas gerais, o painel interativo traz informações específicas no que diz respeito à autorização para uso das radiofrequências expedidas pela agência, como os nomes das entidades autorizadas, as faixas de frequências de operação, a largura de faixa autorizada e os municípios nos quais as redes privativas estão instaladas.

Ao selecionar uma das autorizações, é possível verificar no mapa o polígono referente à área geográfica permitida para a operação da rede privativa, informou a Anatel.

Na avaliação da agência, trata-se de uma ferramenta “importante para a realização de coordenação técnica entre essas redes e dessas redes com outros sistemas”.

Vale lembrar que, na semana passada, o órgão regulador disponibilizou um mapa interativo da presença da cobertura 5G em todo o território nacional. O material também apresenta informações sobre as tecnologias móveis antecessoras.

Redes privativas

Segundo a Anatel, as redes privativas são, na prática, “redes de telecomunicações para implementação de soluções específicas, associadas ao serviço limitado privado, para operação em faixas de frequências cujas condições de uso derivam de padrões internacionais que permitem aplicações ponto-multiponto e ponto-área diversificadas”.

A expectativa é de que os setores de indústria, agropecuário, utilities e óleo e gás liderem a demanda por tais soluções. Especialistas do setor de telecom apostam que serviços do tipo devem observar maior crescimento a partir do ano que vem.

Para incentivar a adoção de redes privativas pelo setor privado, a Anatel lançou, neste ano, uma premiação ao lado da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). (Com informações da Anatel)

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10589