American Tower amplia parque solar para energizar a fibra óptica

Infraestrutura em instalação contará com 7,2 mil painéis solares para geração de 100% da energia da unidade de fibra ótica da companhia

Crédito: Freepik

Para acompanhar a expansão sustentável de sua rede neutra de fibra ótica no Brasil, a American Tower Corporation vai ampliar seu parque de energia solar no país com uma nova planta nomeada Frutal II. A unidade está sendo instalada no município de Frutal (MG), onde a empresa já possuía uma usina do tipo.

Com a infraestrutura, o projeto de geração distribuída (GD) da American Tower passa de 4,9 mil para 7,2 mil painéis solares, um crescimento de aproximadamente 50% da capacidade instalada. Os painéis produzirão energia para 100% da unidade de fibra ótica da companhia.

De acordo com Daniel Laper, diretor sênior de Fibra e Novos Negócios da American Tower, a ampliação já era prevista acompanhando os planos de expansão da rede.

“Esse crescimento faz parte do nosso plano, após o lançamento em 2019 no estado de Minas Gerais da primeira rede neutra FTTH do Brasil, e que fechou 2022 com aproximadamente 1 milhão de HPs (Casas Passadas)”, comenta Laper.

A fonte de energia limpa está diretamente conectada à rede pública de distribuição de energia elétrica, foi desenvolvida em parceria com a CGC Energia. Com a ampliação, o objetivo é reduzir a emissão de 430 toneladas de CO² na atmosfera anualmente.

Recentemente, a American Tower expandiu sua rede de fibra óptica, com a ampliação da cobertura de rede, que agora chega aos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e Goiás, além de mais de 120 cidades em Minas Gerais, ou o equivalente a mais de 90% do PIB do Estado, superando a marca de 25 mil km de rede de fibra.

Além da rede de fibra, a planta solar pode atender a outras soluções da companhia, como as soluções de cobertura em nível de rua, para suprir as demandas de novos modelos de infraestrutura compartilhada que chegam com a implementação do 5G e que, pelas características da tecnologia, consomem mais energia.

“Estamos avaliando oportunidades para a expansão da nossa rede neutra FTTH no Brasil e também em outros países da América Latina. Contar com soluções de energia renovável faz parte da nossa estratégia”, complementa Abel Camargo, vice-presidente e General Manager de Fibra e Novos Negócios para a América Latina.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10373