Xiaomi prepara IPO

Fabricante chinesa Xiaomi espera entrar em novos mercados após a capitalização

Mi 5_xiaomi-smartphone

A fabricante chinesa de eletrônicos Xiaomi, mais conhecida no Brasil pelos smartphones, pretende abrir seu capital ainda este ano, conforme informações obtidas por Bloomberg e Reuters. A empresa teria escolhido os bancos Morgan Stanley, Goldman Sachs, Credit Suisse e Deutsche Bank para coordenar a oferta.

Ainda não foi definido, porém, em qual mercado a fabricante, sediada em Beijing, pretende vender as ações. A estimaiva de analistas é de que o IPO resulte em um valor de mercado de US$ 1o0 bilhões à Xiaomi. A receita anual atual é da ordem de US$ 15 bilhões.

O dinheiro seria usado para patrocinar a entrada da Xiaomi em mercados desenolvidos, como Europa e Estados Unidos. A empresa é conhecida por modelos de bom custo-benefício, com mais recursos que os equivalentes nas faixas de preços que pratica. Seus principais mercados são China e Índia.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10578