Rede da Angola Cables pode chegar a Macau, na Ásia

Operadora comunicou a assinatura de um memorando de entendimento com a local MTM Local para o desenvolvimento de parcerias.

A operadora de cabos submarinos Angola Cables e a CTM Macau, do território chinês, assinaram um Memorando de Entendimento (MoU). A parceria visa promover estratégias e oportunidades para vincular a área da Grande Baía de Macau à África, às Américas e aos países de língua portuguesa.

O CEO da Angola Cables, António Nunes, diz que as discussões e a cooperação entre as partes serão fundamentais para redefinir os ecossistemas digitais na África e ajudar a superar a lacuna de conetividade existente entre o continente e o resto do mundo.

O acordo resultará, diz, em um aumento “considerável de oportunidades para a nossa operação no Brasil que ligando a Angola e, por conseguinte, a Macau com a CTM, podem desempenhar um papel muito importante, permitindo ligações eficientes ao Oriente”. (Com assessoria de imprensa)

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10498