Anatel destina 30 MHz para a banda S do satélite

A faixa de 2,1 MHz terá multidestinação para diferentes serviços de telecomunicações, entre eles o Móvel Global por Satélite (SMGS) e celular terrestre.

O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou, por unanimidade, nesta quinta-feira,6, a destinação de faixas de frequências para a Banda S. Serão 30 + 30 MHz nas faixas de 1.980 – 2.010 MHz e 2.170 – 2.200 MHz, disponíveis aos serviços Móvel Pessoal (SMP, a telefonia celular), de Comunicação Multimídia (SCM, a banda larga fixa), Telefônico Fixo Comutado (STFC, a telefonia fixa), Limitado Privado (SLP) e Móvel Global por Satélite (SMGS).

Com a aprovação da resolução que promove a multidestinação da faixa, abre-se caminho para que se garanta o uso mais racional e eficiente do espectro no futuro. Entretanto, as condições de uso da faixa que envolvam questões político-regulatórias serão objeto de debate posterior pelo Conselho Diretor, após análise mais profunda pela área técnica, e ficarão definidos em outra resolução.

Após essa fase, a Superintendência de Outorga e Recursos à Prestação da Anatel definirá os requisitos técnicos e operacionais aplicáveis à faixa.  (assessoria de imprensa Anatel)

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10686