5G mais rápido está em Porto Alegre, Teresina, Curitiba e Floripa, diz Opensignal

O 5G mais rápido no upload de dados está em Belo Horizonte, aponta ainda a consultoria Opensignal. Ritmo de ativação de redes em outras cidades depende das operadoras.

Crédito: Freepik

A consultoria Opensignal divulgou hoje, 16, seu mais recente levantamento sobre quais capitais têm o 5G mais rápido. Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, levou a taça, com os usuários obtendo em média 408,9 Mbps em suas conexões. Depois veio Teresina (404,4 Mbps), Curitiba (400,8), Florianópolis (391,4) e Brasília (388,4).

Ao todo, foi apurada a qualidade do 5G nas 27 capitais. Em todas as velocidade ficou acima de 250 Mbps. Mas a diferença é grande de uma ponta a outra da lista. A cidade com pior colocação, Macapá, registrou download médio de 257,8 Mbps, ou seja, 151,1 Mbps a menos que Porto Alegre, a mais bem colocada.

Em relação à velocidade de upload em 5G, Belo Horizonte é a capital com a maior pontuação entre as 27 capitais brasileiras, como se vê no gráfico abaixo.

A consultoria mediu ainda o quanto a rede 5G é mais rápida que a rede 4G nas capitais. E descobriu que a velocidade chega a ser 18x superior, como é o caso do Recife. Teresina, São Paulo e Fortaleza observam velocidades de download quase 16 vezes mais rápidas em 5G do que no 4G. Macapá registra o menor aumento, de 10,2 vezes.

A Opensignal lembra que esta melhora da conectividade deve chegar a outras cidades do país, em momentos diferentes. Enquanto nas capitais brasileiras o 5G “puro”, mais rápido, já está funcionando em alguns bairros, a lista de cidades onde o sinal está liberado para ativação neste momento soma 964, onde vivem 62% da população do Brasil. Serão 1.610 municípios até o final de junho de 2023.

“No entanto, as obrigações de cobertura para vários municípios autorizados não entram em vigor até 2025, de modo que a cobertura real depende das estratégias de implementação das próprias operadoras”, observa a consultoria.

Avatar photo

Rafael Bucco

Artigos: 4234