SindiTelebrasil diz que aprovação do PLC 79 traz segurança jurídica ao setor

Sindicato das operadoras comemora a aprovação do texto, diz que vai ampliar investimentos em banda larga e contribuir para a chegada da 5G.

O SindiTelebrasil, entidade que reúne as operadoras de telecomunicações brasileiras, emitiu nota na noite de ontem, 11, logo após a votação do PLC 79 pelo Senado Federal, comemorando. O texto faz mudanças no marco legal do setor. Sua aprovação era aguardada há pelo menos quatro anos pelas concessionárias, que esperam poder canalizar investimentos hoje obrigatoriamente destinados à telefonia fixa.

“A aprovação do PLC 79/2016 moderniza o ambiente legal e regulatório do setor de telecomunicações ao constituir fundamentos para expansão da banda larga fixa e móvel”, diz o sindicato.

Para a companhias, o novo marco permite que os investimentos obrigatórios em STFC “passem a ser destinados à ampliação do acesso à internet em áreas sem infraestrutura adequada visando à redução das desigualdades”.

Ao mesmo tempo, as empresas acreditam que a mudança legal vai alavancar “as potencialidades da banda larga móvel, garantindo segurança jurídica para a continuidade de investimentos no uso de radiofrequências que hoje já viabilizam este serviço para milhões de usuários”. Isso porque o texto aprovado prevê a renovação sucessiva das outorgas de espectro e a criação de um mercado secundário, em que as empresas poderão negociar a venda de parte das frequências que possuem.

As mudanças, diz o SindiTelebrasil, vão ajudar a “suportar o crescimento de dados previsto para os próximos 10 anos, inclusive devido à chegada da tecnologia 5G”. O texto ainda precisa da sanção presidencial e ser publicado no Diário Oficial da União para valer. (Com assessoria de imprensa)

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10510