Governo inaugura Infovia 01 com rede metropolitana em construção

Etapa em fase de implementação consiste em levar internet a equipamentos públicos como escolas e unidades de saúde.
Governo inaugura Infovia 01 com rede metropolitana pendente | Foto: Reprodução/PR
Cerimônia em Santarém (PA) reúne autoridades em comemoração à inauguração da Infovia 01 | Foto: Reprodução/PR

O governo federal inaugurou nesta segunda-feira, 7, a Infovia 01  – trecho de cabos de fibra óptica subfluvial que liga Santarém (PA) a Manaus (AM). A cerimônia contou com a presença do ministro das Comunicações, Juscelino Filho e do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

A Infovia 01 faz parte do programa Norte Conectado, que tem como objetivo ampliar a infraestrutura de telecomunicações na Região Amazônica, por meio da implantação de cabos de fibra óptica subfluvial (saiba mais abaixo). Este trecho tem 1.100 quilômetros de extensão, passando pelos municípios amazonenses de Óbidos, Juriti, Oriximiná e Terra Santa, no Pará, Parintins, Urucurituba, Itacoatiara e Autazes.

Apesar da inauguração,  a rede metropolitana, que viabiliza a efetiva chegada da internet à população, ainda não está concluída. 

“A Infovia 01, passa por mais nove municípios: cinco no Pará e quatro no estado do Amazonas. Três municípios já estão com a rede metropolitana pronta e ativa. Outros seis estão em implantação”, afirmou o ministro em coletiva de imprensa neste domingo, 6. 

A implantação da rede metropolitana é a etapa que envolve a conexão de hospitais, unidades de saúde, escolas e praças públicas com sinal aberto. No escopo do projeto, publicado em 2021, a rede metropolitana constava como uma etapa a ser elaborada antes da entrega da estrutura ao Estado, o que ocorreu em março deste ano.  

Operação

A construção da Infovia 01 foi de responsabilidade da Entidade Administradora de Processo de Redistribuição e Digitalização de Canais TV e RTV (EAD Digital), com recursos remanescentes da limpeza da faixa do 4G. 

Pouco mais de um mês após a entrega da infraestrutura, em julho, o Ministério das Comunicações  (MCom) realizou vistorias e encaminhou o gerenciamento à RNP, responsável pela seleção das empresas que compõem o Consórcio Aberto do Operador Neutro (ON) para manter e explorar comercialmente o backbone da rede por 15 anos e levar a internet até as redes metropolitanas.

Programa e cronograma

Ao todo, o programa Norte Conectado prevê a construção de oito infovias no leito dos rios amazônicos, interligando Macapá (AP) a Tabatinga (AM), passando por Manaus (AM), com ramificações para Almeirim (PA), Santarém (PA), Alenquer (PA), Breves(PA), Belém (PA), Porto Velho (RO), Boa Vista (RR), Rio Branco (RR), Cruzeiro do Sul (AC), São Gabriel da Cachoeira (AM), Parintins (AM), Guiana Francesa e Peru. O investimento envolve saldo remanescente do do leilão do 4G, recurso reservado no leilão do 5G, além do orçamento do MCom. 

A Infovia 01 – Santarém (PA) a Manaus (AM) – complementa a Infovia 00, que vai de Amapá (AP) a Santarém (PA), trecho inicial que também teve a RNP como responsável por selecionar as empresas para o modelo de Operador Neutro. 

Durante a cerimônia de inauguração da infovia, realizada em Santarém nesta segunda-feira, 7, o ministro Juscelino afirmou que as Infovias 02, 03 e 04 devem ser concluídas ainda este ano. 

O início da construção dos três novos trechos foi anunciada na última semana. A Infovia 02, com 1.206 km, liga Tefé (AM) a Tabatinga (AM); a Infovia 03, com 624 km de extensão, conecta Macapá (AP) e Belém (PA); e a Infovia 04, percurso de 515 km, interliga Vila de Moura (AM) e Boa Vista (RR).

Avatar photo

Carolina Cruz

Repórter com trajetória em redações da Rede Globo e Grupo Cofina. Atualmente na cobertura dos Três Poderes, em Brasília, e da inovação, onde ela estiver.

Artigos: 922