Huawei anuncia investimento de US$ 500 mil em startups brasileiras

Selecionadas pela Huawei devem ser especialistas em aplicações que envolvam governo, operadoras, fintechs, educação ou e-commerce.
Huawei anuncia investimento de US$ 500 mil em startups brasileiras - Crédito: Freepik
Crédito: Freepik

A Huawei,  fornecedora global de tecnologia de informação e das comunicações (TIC), anunciou um acordo com a Softex – Organização Social Civil de Interesse Público (OSCIP) – no âmbito do programa Sparks, estratégia global de impulsionamento do empreendedorismo no segmento de aplicações em nuvem. O projeto prevê investimento de US$ 500 mil (equivalente a R$ 2,5 milhões) em startups que atuam em serviços de cloud.

A parceria foi anunciada durante o Huawei Cloud Latam Summit 2022, evento que a empresa promoveu no Rio de Janeiro. Durante a cerimônia de assinatura, o VP de Relações Públicas da Huawei Latam e Caribe, Atílio Rulli, afirmou que o investimento se dará “na forma de financiamentos diretos, tecnologias e outras formas de crédito”.

A empresa espera lançar ainda neste ano uma chamada pública para seleção de 63 startups que, neste momento, devem ser especialistas em pelo menos uma das cinco verticais de interesse do programa: Governo, Operadoras, Fintechs, Educação, e E-commerce.

Programa Sparks

O programa Sparks é uma iniciativa da Huawei que pretende atingir mais de 10.000 startups ao redor do mundo com otimização de custos, suporte técnico, treinamento e recursos.

De acordo com a empresa, no ano passado, o projeto apoiou 34 startups na Colômbia, com a iniciativa batizada de CeNube em parceria com organizações locais. Este ano, a Huawei Cloud pretende recrutar 139 startups na América Latina e no Caribe.

No Brasil, a parceira do programa, Softex, atua em prol do fomento da transformação digital brasileira. Em nota, o presidente da entidade Ruben Delgado, destacou o impacto social da ação.

“Faltam oportunidades de negócios e de mão de obra qualificada neste setor e esta parceria, a primeira que a Softex realiza com uma empresa privada, vem preencher uma lacuna na geração de valor que trará benefícios para o Brasil e para a sociedade”, disse Delgado.

(com site Tele.Síntese)

 

Avatar photo

Redação DMI

Artigos: 1794