Foodtech Simple&Co capta R$ 3,59 milhões em crowdfunding

Aporte individual é inédito na plataforma Captable. Bertha Capital aportou R$ 1,5 milhão dos R$ 3,59 milhões captados entre 356 investidores.
Foodtech Simple&Co capta R$ 3,59 milhões em crowdfunding - Crédito: Divulgação
André Piva e Alan Pedroso, cofundadores da Simples&Co – Crédito: Divulgação

A startup Simple&Co, de gestão de marcas de alimentação, fez sua estreia no universo das captações de recursos com uma rodada coletiva que somou R$ 3,5 milhões. A foodtech arrecadou recursos por meio da Captable, plataforma de investimentos coletivos em startups.

A rodada concluída pela Simple&Co contou com o maior aporte individual já registrado na plataforma da Captable. Dos R$ 3,59 milhões captados, R$1,5 milhões foram investidos pela gestora de fundos de investimentos Bertha Capital. O restante da captação foi de 356 investidores.

Fundada pelos empreendedores André Piva, ex-sócio de Jorge Paulo Lemman no fundo de private equity Innova Capital, e Alan Pedroso, ex-consultor de administração na Falconi, a startup opera marcas nativas digitais (DNVB) vendidas via delivery e atualmente conta com operação na capital paulista.

O conceito desenvolvido pela startup é ser um parceiro de restaurantes, trazendo renda extra e acesso a serviços de maneira simplificada com a criação de marcas virtuais de diversas culinárias e a seleção de parceiros para as operarem em cada região, utilizando a estrutura já existente do restaurante, sem necessidade de investimentos ou contratações.

Na prática, isso significa que a Simple&Co desenvolve suas próprias marcas de alimentação e se associa a restaurantes que materializam a produção dos itens e os vendem via delivery. As matérias-primas, plataforma digital e todo arcabouço tecnológico e de marketing ficam a cargo da foodtech, enquanto os restaurantes se responsabilizam pela mão de obra e estrutura física para as vendas.

O restaurante segue operando seu negócio normalmente, com a diferença de estar inserido na era digital. O objetivo da Simple&Co não é ser um concorrente, e sim um agregador aos negócios já existentes.

Plano de expansão

Com o investimento captado, o plano de expansão da Simple&Co é buscar novos parceiros comerciais dentro do estado de São Paulo e, em breve, expandir a atuação do negócio para outras metrópoles do país. Outra ação da startup é investir em diferentes tipos de culinária, para o portfólio e atender cada vez mais clientes.

(com assessoria)

 

Avatar photo

Redação DMI

Artigos: 1782