Avançam processos antitruste contra o Google nos EUA

São dois caso que correm paralelamente. Uma ação, movida pelos estados, acusa abusos em novos segmentos, como carros conectados. Outra, do Departamento de Justiça, reclama das práticas em buscas e buscas patrocinadas.

A Justiça Federal dos Estados Unidos tem pressa para julgar acusações de que o Google abusa de seu poder de mercado. O juiz responsável pelo caso, aberto por procuradores de diferentes estados do país em dezembro, mandou os denunciantes encaminharem documentos de acusação a partir de 4 de fevereiro, noticia a agência Reuters.

A gigante digital é acusada pelos procuradores dos estados, liderados pelo Colorado, de cometer práticas anticompetitivas. Entre as quais, ampliar seu domínio digital nos segmentos de alto-falantes inteligentes, televisores e carros conectados. O julgamento está marcado para 12 de setembro de 2023.

Outro processo semelhante é movido pelo Departamento de Justiça (DoJ) dos EUA. Neste caso, os documentos começam a ser entregues na próxima semana, em 29 de janeiro. O DoJ acusa o Google de abusos em buscas e em buscas patrocinadas. Iniciou a ação em outubro do ano passado.

Avatar photo

Da Redação

A Momento Editorial nasceu em 2005. É fruto de mais de 20 anos de experiência jornalística nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e telecomunicações. Foi criada com a missão de produzir e disseminar informação sobre o papel das TICs na sociedade.

Artigos: 10695